Leila Cordeiro e Eliakim Araujo, e o auge do Jornal da Manchete

Com o “casal o 20”, o telejornal ganha ainda mais prestígio e audiência.


Em agosto de 1989, Leila Cordeiro e Eliakim Araújo foram separados na Globo, onde apresentavam havia alguns anos o Jornal da Globo. Leila foi para o Jornal Hoje e Eliakim permaneceu no JG, segundo Eliakim, e por conta disso, deixaram Adolpho Bloch saber que queriam deixar a Globo. De imediado foram contratados para apreserntar o Jornal da Manchete, substituindo Carlos Bianchinni. De quebra Leila Nagle, também prejudicada com a dança das cadeiras, “foi no vácuo” do casal (palavras do próprio Eliakim) e passou a formar dupla com Bianchinni no Edição da Tarde. Leila e Eliakim permaneceriam até 1993, quando, com a crise financeira da Manchete, foram levados para o SBT.

O período que ficaram à frente do principal jornal da emissora, foi a época de ouro da Manchete, com novelas de sucesso e infantis vice-líderes, e também por um show de jornalismo. A emissora, que até então já se destacava neste departamento, abriu ainda maior distância em relação às concorrentes. O jornalismo era ousado, inovador e realmente percebido como independente, gozando de alta credibilidade. Os repórteres chegavam antes e davam seguidos furos de reportagens. Nessa época a Manchete já suspendia a programação para exibir ininterruptamente qualquer acontecimento importante no país. O Jornal da Manchete era ágil, tinha comentaristas e repórteres renomados e correspondentes espalhados pelo mundo. Leila e Eliakim se consagraram como o Casal 20 do telejornalismo.

Em 1991, o cenário dos monitores foi desativado, sendo substituído por uma tela azul no Jornal da Manchete. Este cenário “azul chapado” não durou muito tempo. Jaquito ordenou que o cenário voltasse a ter ao fundo os tradicionais monitores. Com essa mudança, a abertura e o logo do jornal também mudaram.

Em 1993, depois da venda da emissora para o grupo IBF, o casal fez Silvio Santos saber de sua insatisfação e receberam proposta para apresentar o Jornal do SBT.