Arquivos e marca ‘TV Manchete’ são vendidos após 22 anos

Após dois leilões fracassados, ativos são arrematados, pondo fim a um dos maiores mistérios dessa história: os arquivos da emissora.

Após três leilões sem interessados, a marca “TV Manchete” foi arrematada no dia 14 de outubro de 2021, pela cifra de 240 mil reais, junto com todo o seu acervo de fitas, rendendo no total 500,5 mil reais, que deverão ser convertidos em pagamentos de dívidas com os ex-funcionários.

O arquivo da emissora foi negociado em dois lotes: a dramaturgia, com as novelas e minisséries, custou 240 mil reais. O restante foi empacotado num outro lote com títulos clássicos como telejornais, jornalísticos, infantis, femininos, e as famosas transmissões do carnaval, pela bagatela de R$ 60 mil reais.

O comprador ainda não é conhecido.

O comprador, no entanto, não levou automaticamente o direito para a exploração comercial das obras. Isso só poderia ser feito após o pagamento de direitos conexos s e autorais, além do custo para recuperacao e digitalica==capoa z rar as fitas que já estão aguardando em condições pouco conhecidas há mais de vinte anos. A conta é difícil de fechar, razão pela qual acredita-se que os leilões anteriores tenham fracassado.

Ainda não se sabe se o acervo de novelas inclui as produções realizadas a partir de 1995, quando a empresa criou a Bloch Som e Imagem para resguardar os direitos patrimoniais das obras caso a propriedade da emissora fosse devolvida ao empresário Hamilton Lucas, que havia comprado a emissora anos antes e tentava recuperar sua propriedade na justiça.

Em 1999, a Manchete conseguiu vender suas concessões num acordo com o governo federal onde o comprador não levaria a empresa TV Manchete Ltda, dona de uma dívida considerada impagável. A transação, contestada até hoje pelo fato de o governo na prática ter realizado a transferência das cinco concessões sem ter lançado uma nova concorrência pública, gerou uma bizarrice: retirou os principais ativos da empresa, sem nehuma contrapartida para amortizar parte de sua dívida monstruosa. Conseguiram praticamente deixar nenhum responsável pelas dívidas.

leia também